quinta-feira, 5 de julho de 2012

CASSAÇÃO DE DEMÓSTENES TORRES FOI APROVADA

SARÁ QUE DEMÓSTENES AINDA PENSA ASSIM?
Apesar do argumento da defesa do Senador Demóstenes Torres de que o processo contra o seu cliente era carregado de subjetividade, a Comissão de Constituição e Justiça, CCJ, do Senado considerou, de forma unânime, a constitucionalidade do processo de cassação de Demóstenes Torres. O pedido de cassação será encaminhado para conhecimento da Mesa Diretora do Senado. A cassação do mandato deve ser votada no plenário do Senado na sessão da próxima quarta-feira (11). No plenário, a votação dos parlamentares poderá ser realizada de forma secreta.

A senadora Marta Suplicy (PT-SP), afirmou que Demóstenes tentou "enganar" o Senado. "Por todas essas mentiras, essa personalidade que mostrou ter, eu realmente acredito [...] que o senador Demóstenes não tem lugar aqui nesta Casa", concluiu Marta Suplicy.

Os goianos devem recordar muito bem que a campanha eleitoral do Senador Demóstenes Torres, que utilizou todo tempo o relato de uma suposta mãe viciada em crak, fez-se a partir do jogo moral. Do homem político que ainda era depositário da moral num espaço amoral, o espaço político, e do Congresso por excelência. Ele personificava, em Goiás, o combate ao crime organizado, indo do tráfico de drogas à pedofilia. Agora a realidade se impõe. Será mesmo que o Brasil está politicamente podre?

Para que a cassação de Demóstenes seja aprovada em plenário, são necessários os votos favoráveis de 41 dos 81 senadores. Graças à televisão brasileira, esse pescoço não escapa da degola.