quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

ARRUDA É UM SÍMBOLO

José Roberto Arruda é uma vítima das circunstâncias. Ele, que agora sente o peso das tramas que sempre estiveram a favor, não é tão diferente dos seus acusadores. É um político comum, comum até demais no rol de políticos que a nossa cultura de corrupção consegue produzir. Nesse sentido, é o símbolo de um povo culturalmente corrupto que tem vocação nata para o voto, de cabresto ou sem cabresto, em indivíduos corruptos.

Não tenho nenhuma ilusão. Foi sob a égide do que alguns sociólogos batizararm de "jeitinho brasileiro" que o Arruda agia. Esse jetinho, que resulta sempre em guardar para si fartas fatias do bolo destinado ao povo, somente vem à tona quando algumas bocas sedentas deixam de ser alimentadas. Não tem sido sempre assim? Senão vejamos, o que destronou o Collor? A ingenuidade dele em pensar que não  seria necessário alimentar o congresso. Não é verdade que, diferente do Collor, o Lula escapou ileso porque seu crime era, como o de Arruda, exatamente de alimentar as bocas famintas.

O Arruda é um símbolo em muitos sentidos. Primeiro, porque só fez o que a maioria dos governantes e parlamentares brasileiros têm feito: meter a mão no dinheiro público. Portanto, é um político comum numa prática comum, a de roubar o povo. Segundo, a mordida vem dos mesmos cães que ele alimentou e apenas ao povão escapa essa observação que, aliás, a imprensa não quer, de forma alguma, remexer.

O mais importante é esta tarde ele foi para a cadeia. É, hoje, 11 de fevereiro de 2010, ouvi pela Rádio CBN que José Arruda foi agraciado com uma ordem de prisão preventiva. Todos nós sabemos que ele não será condenado a nada porque no Brasil condenação é instrumento jurídico com que se pune o cidadão comun, em alguns casos, até injustamente. Mas é relevante notar que o Arruda está passando por um processo legal. É a justiça e não apenas a pressão da mídia. Ele está sendo investigado por uma das melhores polícias do mundo que é a Polícia Federal brasileira e os resultados dessa investigação estão tendo efeitos de fato.
Não acontece com Arruda o que aconteceu com o governador do Maranhão que foi destronado apenas para que a filha do Sarney ocupasse o cargo para o qual não foi eleita. Com ele, a justiça segui passos normais e, temporariamente está dando um exemplo positivo a um povo já descrente.