segunda-feira, 30 de novembro de 2015

VIII REUNIÃO CIENTÍFICA TRABALHO ESCRAVO CONTEMPORÂNEO E QUESTÕES CORRELATAS

Reprodução de documento do GPTEC

Nos dias 17 a 19 de novembro de 2015 teve lugar, no auditório do NEPP-DH/UFRJ, a VIII Reunião Científica Trabalho Escravo contemporâneo e Questões Correlatas, organizada pelo GPTEC. Como o próprio título indica, o evento se encontra na sua oitava edição, sendo que a previsão para o ano que vem é de que a Universidade Federal do Pará seja a anfitriã.

No dia 17, a mesa de abertura foi composta pelso professores Lília Pougy, decana do CFCH; Vantuil Pereira, diretor do NEPP-DH e Ricardo Rezende Figueira, coordenador do GPTEC. Foto. 

No mesmo dia, teve lugar a aula magistral, proferida pelo professor Ricardo Antunes, da Universidade Estadual de Campinas, intitulada A nova morfologia do trabalho, o novo proletariado de serviços e as lutas sociais do nosso tempo.



Seis temas foram apresentados e debatidos nos blocos do primeiro dia: 1.Migração, tráfico humano e trabalho escravo, desenvolvido por David Sanchez Rúbio, Pilar Zuñiga, Gabrielle Louise Soares Timóteo, Ricardo Rezende Figueira, Suliane Sudano e Edna Maria Galvão.



2. Ações e atores, a cargo de Natália Sayuri Suzuki e Norberto O. Ferreras, Roberta Castro Alves de Paula Hannemann e Moisés Pereira da Silva.



Ainda no primeiro dia do evento, foi oferecido um coquetel com o lançamento dos livros A universidade discute a escravidão contemporânea: práticas e reflexões, organizado por Ricardo Rezende Figueira, Adonia Antunes Prado e Edna Maria Galvão. E, também a obra: Degradância decodificada e o papel do Estado na sua gênese escrito por Benedito Lima e Renato de Mello.


O Bloco 3, intitulado Políticas públicas e responsabilidade civil foi tratado no dia 18 e contou com as intervenções de Fabiana Galera Severo, Maria Celeste Simões Marques, Mariane Pereira Rodrigues e Renan Bernardi Kalil.


e a ele seguiu o Bloco 4, onde foi tratado o tema Conceito e método, desenvolvido por Lívia Mendes Moreira Miraglia, Lília Carvalho Finelli, Valena Jacob C. Mesquita, Fagno Soares, Valter Zanin, Ricardo Antunes, Elder Lisboa e José Cláudio Monteiro de Brito Filho.



Em seguida, discutiu-se o tema Educação e formação no Bloco 5, formado pelas apresentações de Shirley Silveira Andrade e Antônio Alves Almeida, com que o segundo dia do evento foi encerrado.

No terceiro e último dia - 19 de novembro – nos blocos 6 e 7 foram tratadas questões ligadas a Mudanças e permanências e Representações do trabalhador, respectivamente. No primeiro deles, se apresentaram Carlos Alberto de Moura Ribeiro Zeron e Marcela Soares. No segundo, Paulo Henrique Costa Mattos e Gladyson Stélio Brito Pereira. E no segundo Flavia de Almeida Moura e Cristiana Rocha.


Neste mesmo dia, Stephen L. Rozman fez algumas considerações sobre o programa Tougaloo College (Jackson, Mississippi nos EUA), para criação do Instituto de Estudos sobre Escravidão Passada e Contemporânea e estabelecimento de intercâmbios com o GPTEC/NEPP-DH.


A reunião final, para avaliação e definição de perspectivas decidiu, como já informado, pela realização da IX Reunião em Belém do Pará, no campus da UFPA.